Desenrola para MEIs, micro e pequenas empresas começa nesta segunda-feira

13/05/2024

Economia

Em Mato Grosso do Sul são mais de 210 mil microempreendedores individuais

Fonte: Arquivo

A partir desta segunda-feira, MEIS (microempreendedores individuais) podem acessar acordos do Programa Desenrola,. Em Mato Grosso do Sul, esse universo abrangia 212.983 pessoas até o fim de 2023, conforme dados da Receita Federal.

Nessa fase, também serão renegociadas dívidas de micro e pequenas empresas que faturem até R$ 4,8 milhões anuais. No Estado, são 96.217 microempresas e 19.319 pequenas empresa, o que, somado aos MEIs, totaliza mais de 333 mil com direito à renegociação.

Para aderir, só valem débitos registrados até 23 de janeiro de 2024, data do lançamento do Programa.

No Desenrola Pequenos Negócios, basta contatar a instituição financeira onde tem a dívida e questionar quais as taxas e prazos para renegociação, porque elas são diferenciadas de acordo com o banco. Não haverá limites para o valor da dívida nem de tempo máximo de atraso.

Como nem todas as instituição aderiram ao projeto, a dica do Governo Federal é buscar a portabilidade da dívida, saindo do banco que não aderiu e passar para um cadastrado no Desenrola.

A Febraban (Federação Brasileira do Bancos) alerta para golpes e lembra que não devem ser aceitas quaisquer ofertas de renegociação que ocorram fora das plataformas dos bancos. "Caso desconfie de alguma proposta ou valor, entre em contato com o banco nos seus canais oficiais".

A versão do Desenrola para as micro e pequenas empresas é um dos quatro eixos do Programa Acredita, que pretende ampliar o acesso ao crédito e estimular a economia.

Fonte(s): Agência Brasil